Joalheiros há mais de 100 anos!

 

No início da década em que o relógio de pulso se popularizou no mundo, nasceu em Portugal a Anselmo 1910.

Um ano que assinalou o pulsar de uma marca portuguesa de referência e de uma família que tem no seu ADN a paixão pela joalharia e pela relojoaria. A década de 1910 foi um período marcante da história mundial. Despoletou-se a primeira Guerra Mundial, iniciou-se a Revolução Russa, instaurou-se a República em Portugal e a moeda portuguesa passou a ser o escudo. Um tempo de mudanças políticas, sociais e também artísticas. Por todo o Mundo cresciam movimentos modernistas, especialmente na pintura e na música. Popularizou-se a rádio como meio de massas, o carro como meio de transporte, mas também o relógio de pulso, que permitiu, sobretudo aos soldados, um melhor controlo do tempo.

Atento ao que se passava no Mundo, Anselmo dos Santos Torres escolheu o ano de 1910 para abrir a sua primeira ourivesaria em Torres Vedras que, passados mais de 110 anos, se mantém no mesmo local. Guiado pela descoberta permanente do excecional,

Anselmo dos Santos Torres marcou, desde a fundação da empresa, encontro com o prestígio. A paixão pela atividade já atravessou cinco gerações. Atualmente, Nuno Torres, bisneto do fundador, assume a liderança de uma marca com mais de 110 anos.

 

O que com o tempo não muda é a qualidade das marcas que a Anselmo 1910 representa, com grande destaque para a Joalharia Portuguesa, divulgando designers já conceituados e dando oportunidade aos novos. As criações próprias Anselmo 1910 completam a mostra de excelência com peças que habitam as  joalharias de Lisboa, Porto, Braga e Torres Vedras onde a empresa nasceu há 110 Anos.

Visão “Queremos perpetuar no tempo a nossa marca centenária, apoiando a Joalharia Portuguesa, de olhos postos no futuro, com base no conhecimento, tradição, sustentabilidade e uma história de mais de 110 anos .”

Conheça a nossa Colecção Anselmo 1910